You are currently browsing the tag archive for the ‘arrancada’ tag.

Fonte: Globoesporte.com

Como não é possível voltar no tempo, o técnico Adilson Batista deseja colocar o Cruzeiro novamente na Taça Libertadores para tentar reparar o maior vacilo cometido pelo time nesse ano – quando perdeu a decisão desta competição para o Estudiantes, no Mineirão. A pensar desta forma, a Raposa está no caminho certo da possível redenção. No último domingo, a equipe bateu o Corinthians por 1 a 0, no Pacaembu, e encostou no G-4 do Campeonato Brasileiro.

– Sempre tivemos intenção de voltar à Libertadores. O caminho era longo, a diferença era de quinze pontos. Mas a gente está diminuindo (a vantagem). Vamos pensar em passar o Flamengo – afirmou o treinador, em entrevista ao SporTV.

De acordo com Adílson Batista, o time melhorou com a saída de Guerrón para a entrada de Fernandinho – apesar deste atleta ter sido expulso aos 28 minutos do segundo tempo.

– Não é que eu trouxe a equipe para trás. Nós passamos a cadenciar, rodar, trabalhar a bola e inverter jogadas depois da entrada desse jogador. Eu tinha que pensar também no jogo de quarta-feira. O Fabrício, o Henrique e o Gilberto estavam voltando de lesão. E este último não suportou até o fim – justificou o técnico do Cruzeiro.

Fonte: Site Oficial

O Cruzeiro lutou muito, foi valente, e venceu o Corinthians, por 1 x 0, na noite deste domingo, no estádio do Pacaembu, em São Paulo. O quarto triunfo seguido mantém o time celeste vivo na disputa por uma vaga na Copa Santander Libertadores 2010.

O resultado leva o Cruzeiro ao sexto lugar, com 48 pontos ganhos, e mantém a distância de quatro para o São Paulo, que fecha o G-4 do Campeonato Brasileiro, com 52.

O Cruzeiro soube suportar a pressão do Corinthians nos 15 minutos inicias de jogo e cresceu aos poucos, até conquistar terreno e igualar as ações.

O gol da vitória foi marcado pelo camisa 10 Gilberto, aos 40 min da primeira etapa. O volante Marquinhos Paraná encontrou Fabrício na direita, o camisa 5 cruzou rasteiro e Gilberto apareceu na pequena área, atrás da defesa, para fazer 1 x 0.

Para o segundo tempo, Adilson Batista lançou o lateral-esquerdo Fernandinho na vaga do atacante Guerrón, para conter as investidas do lateral-direito Alessandro. O time celeste se segurou como pôde frente à investida do adversário rumo ao gol de empate.

Fábio fez grande defesa aos 10 min, depois que Dentinho lançou Ronaldo, que escorou de cabeça. Da pequena área, Jorge Henrique cabeceou e não passou pela muralha azul. Aos 22 min, foi a vez de o meia-atacante Leandro Lima substituir o cansado Gilberto.

O jogo ganhou contornos dramáticos aos 29 min, quando Fernandinho discutiu com Elias e uma confusão se formou em campo. Como resultado, Fernandinho recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Para completar, Diego Renan teve o tornozelo direito atingido por duas vezes e foi substituído pelo volante Elicarlos aos 37 min.

Com um homem a menos, os comandados de Adilson Batista mostraram muita fibra para segurar a vantagem até o apito final do carioca Péricles Bassols.

Fonte: Site Oficial

Com um gol salvador de Thiago Ribeiro, o Cruzeiro venceu o Botafogo por 1 x 0, na noite deste domingo, no Mineirão, conquistou seu terceiro triunfo seguido no Campeonato Mineiro e manteve a sétima colocação da competição nacional, a apenas quatro pontos da zona de classificação à Libertadores.

O time de melhor campanha no segundo turno volta a campo no próximo domingo, contra o Corinthians, em São Paulo, enquanto a equipe carioca disputará o clássico contra o Flamengo, no mesmo dia, mas antes, na quarta-feira, encara o Cerro Porteño, em Assunção, pelas quartas-de-final da Copa Sul-Americana.

Embalado na competição e com quatro jogos de invencibilidade, o Cruzeiro buscou o ataque desde o início da partida enquanto o adversário, bem fechado atrás, procurava os espaços celestes para tentar surpreender o atual bicampeão mineiro.

Com a defesa botafoguense congestionada, a Raposa apostava nos chutes de longa distância e nos cruzamentos para a área. Mas o goleiro Jefferson estava inspirado e salvou o Botafogo seguidas vezes, a primeira delas em um chute forte do lateral-esquerdo Diego Renan.

Depois, foi a vez dele segurar uma finalização de Leandro Lima, após o meia-atacante desviar cruzamento de Diego Renan. Ainda no primeiro tempo, Jefferson defendeu um chute de Guerrón e, em duas ocasiões, saiu muito bem do gol, nos pés de Thiago Ribeiro, evitando as finalizações do atacante celeste.

O Botafogo, jogando nos contra-ataques, demorou, mas quando chegou próximo do gol do Cruzeiro, deu muito trabalho ao arqueiro estrelado, como em dois chutes de Victor Simões, nos minutos finais da primeira etapa.

Apesar de os dois times terem voltado para o segundo tempo com as mesmas escalações, o jogo ficou bem diferente, mais disputado no meio-de-campo. Aos 7 minutos, Leandro Lima recebeu a bola e chutou de primeira, para fora.

Em seguida, o técnico Adilson Batista mexeu na equipe e colocou Fernandinho, que voltou a jogar depois de sete meses ausente por causa de uma cirurgia no joelho esquerdo, e Soares nos lugares de Leandro Lima e Guerrón.

As alterações tiveram resultado imediato e, aos 17 minutos, o Cruzeiro finalmente abriu o marcador. Jonathan lançou Thiago Ribeiro, que passou pela zaga do Botafogo e chutou firme, na saída de Jefferson. Cruzeiro 1 x 0.

Atrás no marcador e com a possibilidade de voltar à zona de rebaixamento, o Botafogo se mandou para o ataque e quase empatou, dois minutos depois, em um chute de André Lima, que Fábio defendeu bem.

O técnico Adilson Batista fez a última alteração, substituindo Henrique por Fabinho, para dar sangue novo ao meio-de-campo. Mas, aos 32, Soares levou uma pancada na cabeça e teve que sair de campo, deixando o Cruzeiro com um jogador a menos, já que o treinador celeste havia feito as três substituições.

A pressão do Botafogo aumentou ainda mais, o time carioca teve chance de empatar, mas não conseguiu ultrapassar o goleiro Fábio, que, nos instantes finais, fez duas importantes defesas, principalmente em um chute de Rodrigo Dantas.

Fonte: Gazeta Press

Há duas semanas, o técnico do Cruzeiro, Adílson Batista, afirmou que o objetivo era vencer os três jogos seguidos no Mineirão para se aproximar dos líderes. Ao vencer o Goiás por 3 a 0 e o Atlético-MG por 1 a 0, o clube chegou ao sétimo lugar. Entretanto, para completar a missão, o time terá que superar um jejum, já que, no atual Campeonato Brasileiro, ainda não conseguiu três vitórias consecutivas.

“Era nossa meta conseguir essas três vitórias. Temos que fazer prevalecer o mando de campo mais uma vez, até porque depois temos um jogo duro contra o Corinthians, no Pacaembu”, afirmou o atacante Thiago Ribeiro.

No primeiro turno, o clube esteve perto das três vitórias consecutivas, mas foi “barrado” exatamente pelo Botafogo. Depois de vencer o Flamengo, no Maracanã, e o Náutico, no Mineirão, o Cruzeiro acabou empatando com os cariocas no Engenhão.

Caso consiga a vitória sobre o Botafogo, dependendo dos demais resultados da rodada (derrota do Galo para o São Paulo e empate entre Goiás e Avaí), o Cruzeiro pode ficar a apenas dois pontos do G-4.

Fonte: Globoesporte.com

Em 13º na classificação do Campeonato Brasileiro com 35 pontos, o Cruzeiro quer aproveitar o período de 4 de outubro a 1º de novembro para subir na tabela. A equipe mineira só será visitante contra Avaí e Corinthians. O mando de campo será celeste ante Goiás, Botafogo, Santo André e Fluminense, além do clássico contra o Atlético-MG. Os jogadores sabem que o aproveitamento da equipe em casa tem que melhorar, e esta é uma excelente oportunidade para deslanchar na competição:

– A gente precisa melhorar em casa. O Cruzeiro não tem obtido bons resultados em casa e esses cinco jogos são importantes e podem definir o campeonato. Se vencermos, estaremos lá em cima. Então precisamos voltar a jogar bem no Mineirão – afirmou o atacante Kléber.

O zagueiro Gil concorda com o Gladiador:

– Esses jogos em outubro terão uma grande importância. A expectativa é de vencer esses jogos para subir degrau por degrau na tabela. Tenho certeza que vamos incomodar os que estão lá na frente. Temos que ter uma pegada forte e dar continuidade neste trabalho que está sendo feito fora de Belo Horizonte, para vencermos no Mineirão – disse o beque.

Confira quais serão as próximas sete partidas do Cruzeiro:

04/10 – Avaí x Cruzeiro
08/10 – Cruzeiro x Goiás
12/10 – Atlético-MG x Cruzeiro
18/10 – Cruzeiro x Botafogo
25/10 – Corinthians x Cruzeiro
28/10 – Cruzeiro x Santo André
01/11 – Cruzeiro x Fluminense

Fonte: Site Oficial

Em ascensão no Campeonato Brasileiro e vislumbrando uma vaga no G-4, o Cruzeiro chegou a seis partidas sem derrota, maior sequência invicta desde 2007. Naquele ano, o Campeão da Tríplice Coroa ficou imbatível por nove rodadas, conquistando sete vitórias e dois empates, um aproveitamento de 85,18%.

Essa sequência de bons resultados ajudou o time dirigido pelo técnico Dorival Júnior a alcançar a quinta posição do Brasileiro e disputar a Pré-Libertadores em 2008. Neste período, a partida da 16ª rodada contra o Flamengo foi adiada, devido aos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro.

Em 2009, o time celeste já chegou à sexta partida sem derrota, com três vitórias e três empates, um aproveitamento de 66,66% dos pontos disputados. O Cruzeiro tem 29 pontos e está na 13ª posição, a oito pontos do São Paulo, que fecha a zona de classificação para a Copa Santander Libertadores, na quarta colocação.

Para ilustrar as dificuldades da principal competição do país, no ano passado, quando chegou em terceiro lugar, a equipe comandada por Adilson Batista teve como a maior sequência sem derrotas as primeiras cinco rodadas, tendo conquistado quatro vitórias e um empate, rendimento de 86,66%.

Com os últimos resultados positivos, o Cruzeiro é a equipe com a melhor campanha no returno do Campeonato Brasileiro, com sete pontos. São duas vitórias e um empate em três rodadas, e 77,77% dos pontos que estiveram em jogo.

Confira as séries invictas do Cruzeiro em 2007 e 2009

2007

25/07/2007 – Atlético-PR 2 x 2 Cruzeiro -14ª rodada – Arena da Baixada
29/07/2007 – Cruzeiro 3 x 2 Botafogo – 15ª rodada – Mineirão
05/08/2007 – Cruzeiro 3 x 2 Internacional – 17ª rodada – Mineirão
08/08/2007 – Cruzeiro 2 x 0 Sport – 18ª rodada – Mineirão
12/08/2007 – América-RN 1 x 2 Cruzeiro – 19ª rodada -Machadão
19/08/2007 – Cruzeiro 4 x 2 Fluminense – 20ª rodada – Mineirão
25/08/2007 – Corinthians 0 x 3 Cruzeiro – 21ª rodada – Pacaembu
29/08/2007 – Paraná 2 x 2 Cruzeiro – 22ª rodada – Durival de Brito
02/09/2007 – Cruzeiro 5 x 0 Palmeiras – 23ª rodada – Mineirão

2009

09/08/2009 Coritiba 1 x 3 Cruzeiro -18ª rodada do Campeonato Brasileiro – Couto Pereira
16/08/2009 – Cruzeiro 0 x 0 Santos – 19ª rodada do Campeonato Brasileiro – Mineirão
20/08/2009 – Flamengo 1 x 2 Cruzeiro – 20ª rodada do Campeonato Brasileiro – Maracanã
23/08/2009 – Cruzeiro 4 x 2 Náutico – 21ª rodada do Campeonato Brasileiro – Mineirão
27/08/2009 – Botafogo 1 x 1 Cruzeiro – 11ª rodada do Campeonato Brasileiro – Engenhão
30/08/2009 – Vitória-BA 3 x 3 Cruzeiro – 22ª rodada do Campeonato Brasileiro – Barradão

Fonte: Portal Terra

Pela primeira vez no Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro somou seis pontos consecutivos e, graças à combinação favorável na rodada, ficou ainda mais perto do grupo de primeiros colocados. Com um jogo a menos por realizar, quinta-feira contra o Botafogo, os mineiros já vislumbram uma aproximação ao G-4.

“É importante essa sequência de resultados positivos, isso trouxe novamente a confiança para o time”, analisa o volante Fabrício, destaque com gols nos últimos dois jogos. “Temos que tomar cuidado para que, nesse momento, isso não traga desatenção”, diz. A opinião também é compartilhada pelo técnico Adílson Batista.

“O objetivo sempre foi lá na frente. Pela estrutura que o Cruzeiro nos oferece, pela tranquilidade que dá para trabalhar e pela qualidade dos jogadores, o objetivo é estar entre os primeiros. A equipe vai crescer e vamos tentar diminuir essa diferença”, prevê o treinador, no cargo desde o início do ano passado – maior índice de longevidade no Brasil, ao lado de Mano Menezes no Corinthians.

Adílson, que perdeu Ramires, Wagner e Gerson Magrão, três titulares negociados, começa e encontrar soluções para a equipe principal, com o jovem Diego Renan na lateral esquerda, o experiente Gilberto na meia e a aposta na trinca de volantes formada por Marquinhos Paraná, Henrique e Fabrício, que recuperou o melhor futebol com a camisa cruzeirense.

“Estou recuperando meu melhor futebol e isso é porque o time todo está jogando bem. Por eu ser de marcação, quando o time joga mal, essa minha função acaba sobrecarregada”, analisa o volante, que viu afobação após a perda do título sul-americano para o Estudiantes.

“Depois da Libertadores, os jogadores queriam dar uma resposta muito rápido e por isso arriscavam demais nas jogadas. Faltava calma para trabalhar o jogo”, explica.

Campeonato mais parelho

As peculiaridades da tabela da edição 2009 é que permitem o Cruzeiro pensar grande. Se conseguir levar três pontos do Engenhão, em confronto atrasado com o Botafogo, a equipe vice-campeã da América fica a dez pontos do líder Palmeiras, já que a classificação está mais embolada que em outros anos.

Primeiro colocado de 2009, o Palmeiras tem 63% de aproveitamento. À mesma altura do campeonato, em 2008, o Grêmio havia se desgarrado dos demais, com um índice de 73% dos pontos conquistados. Em 2007, o então líder São Paulo, após 20 rodadas, tinha 68,3% de aproveitamento.

Fonte: Site Oficial

O técnico do Cruzeiro, Adilson Batista, gostou do desempenho do time, elogiou a atuação e disciplina tática de seus jogadores e ressaltou a importância da vitória no jogo da próxima quinta-feira, contra o Botafogo, no estádio Engenhão, no Rio de Janeiro.

“O time jogou, se impôs, tinha a necessidade de vencer. O conjunto todo foi bem. Jogou para frente, explorou o lado que a gente esperava. Elogiar a qualidade dos jogadores, empenho, dedicação, mérito deles pelo objetivo alcançado”, comentou.

“A equipe vai crescer, vamos vivenciar agora o Botafogo e buscar o máximo de pontos nos próximos dois jogos, contra Botafogo e Vitória. Espero que, até o final do mês, possamos encostar no pessoal que tem condições de brigar pelo título, pela Libertadores. Objetivo é sempre estar entre os primeiros e acho que é possível”, finalizou o comandante estrelado.

Siga-nos no Twitter

  • @Thiagodans Bom dia, o seu pedido confirmou e foi realizada a personalização. Finalizaremos a sua entrega até o dia 25/08.postado 3 days ago
  • @Leonard78748011 bom dia! Não temos como efetuar a troca do produto, pois o produto que enviamos para vc sofreu alteração.postado 3 days ago
  • @Thiagodans Oi, boa tarde! Verei o andamento da sua entrega. Qual é o número do seu pedido?postado 3 days ago
  • @MichaelLucio boa tarde! Estou aguardando a disponibilidade do fornecedor para oferecer mais produtos. Acompanhe o nosso site.postado 3 days ago
  • @Leonard78748011 boa tarde! Nós administramos a loja virtual do ShopCruzeiro. Não temos ligação com as lojas físicas.postado 3 days ago