You are currently browsing the tag archive for the ‘atlético-pr’ tag.

Fonte: Site Oficial

Os jogadores do Cruzeiro embarcaram para Curitiba nesta quinta-feira cientes de que a bola aérea tem sido uma boa arma do Atlético-PR, adversário deste sábado, na Arena da Baixada, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time está preparado para neutralizar a jogada forte do adversário, que conta com atletas altos para o cabeceio na área.

Dos 39 gols que o Atlético-PR marcou no Brasileiro, 11 foram de cabeça, segundo levantamento do sistema de estatísticas Footstats. Ou seja, 28,2% dos tentos do Atlético-PR saíram pelo alto.

Cada defensor contribuirá à sua maneira para coibir o jogo aéreo no sábado. O lateral-direito Jonathan destaca a origem da jogada, geralmente pelos pés do meia Paulo Baier.

“Nós sabemos do poder ofensivo do Atlético-PR nas bolas aéreas. Fizemos um treinamento visando esse lado para neutralizarmos, já que o Paulo Baier bate muito bem na bola. Sem dúvida é uma preocupação, temos que tomar cuidado”, afirmou.

Já dentro da área, a artilharia aérea dos paranaenses conta com dois reforços pesados nas jogadas de bola parada. Os zagueiros Rhodolfo e Everton medem 1,93m. Eles se juntam aos atacantes titulares Wallyson e Wesley, ambos com 1,79m e às vezes Rafael Moura, que com seus 1,86m tem ficado como opção no banco de reservas.

Aí a missão cabe à dupla de zaga do Cruzeiro, ultimamente formada por Leonardo Silva, 1,92m e Gil, 1,90m. O capitão celeste se apresenta para marcar os “grandalhões” adversários.

“A equipe do Atlético-PR está precisando vencer por estar em situação delicada na competição. Perderam o último jogo e precisam vencer. Então vão vir para cima com tudo, têm jogadores altos e é bola aérea o tempo todo na área. Também temos jogadores altos e treinamos bastante essa jogada. Estamos preparados para eliminar essa situação”, disse Leonardo Silva.

Fonte: Gazeta Esportiva

Na reta final do Campeonato Brasileiro, o problema dos cartões continua atormentando o Cruzeiro. Para a partida deste sábado, às 19h30, contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, pela 36ª rodada, o time terá cinco jogadores pendurados com dois amarelos.

Todos os setores do time terão atletas “ameaçados de suspensão”. Na defesa, o zagueiro Gil e o lateral esquerdo Diego Renan. No meio, o volante Marquinhos Paraná e o meia Gilberto. Na frente, Wellington Paulista. O único que não deve entrar jogando é Gil, que pode perder a vaga para Cláudio Caçapa.

Destes, o caso mais preocupante é o do atacante Wellington Paulista. Em função das contusões de Kléber, Soares e do equatoriano Guerrón, o técnico Adílson Batista só tem mais outras duas opções de frente: o titular Thiago Ribeiro e o jovem Eliandro, do time júnior.

Responsável pela armação de jogadas da equipe, Gilberto encara a situação com tranquilidade. “Entrei pendurado contra o Grêmio. Então, não tem muito mistério. Tem que jogar e, se por algum motivo dentro de campo, tomar cartão em jogada normal, tudo bem. O que não pode é tomar cartão por reclamação ou cartão bobo”, destacou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Depois de dois dias de folga, os jogadores do Cruzeiro se reapresentaram na manhã desta terça-feira, iniciando a preparação para a partida de sábado, às 19h30, contra o Atlético-PR, em Curitiba, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Adílson Batista só definirá o time na quinta-feira, mas pode preparar uma mudança na defesa.

Preocupado com as falhas constantes do setor, que sofreu oito gols nos últimos quatro jogos (empate por 1 a 1 com o Grêmio, vitória sobre Sport e Santo André e derrota para o Fluminense, todas por 3 a 2), Adílson pode dar uma nova chance ao zagueiro Cláudio Caçapa.

O experiente jogador já está recuperado de uma contusão muscular sofrida na coxa direita. Ele chegou a treinar normalmente no final da semana passada, mas o treinador preferiu poupá-lo para que pudesse readquirir um melhor condicionamento físico.

Titular da equipe no período em que o capitão Leonardo Silva estava contundido, Caçapa atuou nas vitórias por 1 a 0 sobre Botafogo e Corinthians e nos 3 a 2 sobre o Santo André, quando deixou o campo contundido. Agora, está cotado para entrar no lugar de Gil, que tem sido criticado nos últimos jogos.

Fonte: Globoesporte.com

O bom retrospecto do Cruzeiro nos jogos fora de casa anima alguns integrantes do elenco celeste. Líder da equipe, o capitão Leonardo Silva é um dos que está empolgado para a próxima partida, diante do Atlético-PR, no sábado, às 19h30m, na Arena da Baixada. Para ele, o momento da Raposa no campeonato é de superação.

– A gente teve a possibilidade de estar no G-4, mas agora temos que nos superar, tentar vencer esses jogos que nos restam. Estamos com uma boa campanha fora de casa e temos que aproveitar isso. Mas temos também que mostrar vontade sempre, dentro e fora – avaliou o jogador, em entrevista à Rádio Globo.

Nesta terça-feira, o elenco da Raposa folgou, a exemplo de domingo, dia seguinte do empate com o Grêmio, em 1 a 1. Com 55 pontos, na sexta colocação, o Cruzeiro briga ainda por uma vaga na Libertadores e têm chances remotas de conquistar o título. O Furacão é o 15º na tabela de classificação, com 43 pontos, e briga para não cair.

Fonte: Site Oficial

O Cruzeiro conta com um bom retrospecto frente ao Atlético-PR em um confronto de mais de quatro décadas de história. O time celeste encara os paranaenses no próximo sábado, às 19h30, na Kyocera Arena, em Curitiba, em busca de vaga no G-4, com autoridade de quem possui a melhor campanha como visitante do Campeonato Brasileiro.

Os dois times se enfrentaram pela primeira vez em 17 de outubro de 1968, no Mineirão, pela Taça de Prata, e o jogo foi vencido pelo Cruzeiro, por 4 x 1. Ao todo, foram disputados até aqui 40 jogos, com 16 triunfos celestes, 13 empates e 11 derrotas. A Raposa marcou 67 gols e sofreu 54.

Pelo Brasileirão, o duelo está equilibrado. São 28 jogos desde 1971, com nove vitórias estreladas, dez empates e nove derrotas. O ataque azul marcou 47 gols e a defesa sofreu 39.

Na Kyocera Arena, as duas equipes costumam realizar bons confrontos. Em dez partidas, foram três vitórias celestes, três empates e quatro vitórias paranaenses. O ataque cinco estrelas marcou 18 gols e a defesa sofreu 19.

Fonte: Site Oficial

Ainda não foi nesta quarta-feira que o Cruzeiro terminou um jogo com 11 em campo. Pela quarta rodada consecutiva, o time teve jogador expulso e acabou derrotado pelo Atlético-PR, no Mineirão, por 2 x 0. O meia Bernardo, no primeiro tempo, e o atacante Kléber, no segundo, receberam quatro dos cinco cartões amarelos do time na noite e foram excluídos.

O resultado deixa o Cruzeiro com 17 pontos ganhos e em 16º lugar tábua de classificação. A primeira consequência da derrota é que o time acabou ultrapassado pelo próprio Atlético-PR, que agora soma 18 pontos, na 14ª colocação.

O técnico Adilson Batista promoveu nesta quarta-feira a estreia do zagueiro Gil, contratado do Atlético-GO. Ele formou dupla de zaga com Leonardo Silva. O volante Elicarlos substituiu o suspenso Jonathan na lateral direita e Athirson foi escalado na esquerda, posição antes ocupada pelo meia Gerson Magrão, negociado com o Dynamo Kiev.

O meio-campo foi composto pelos volantes Fabrício, Henrique e Marquinhos Paraná, e o armador Bernardo. O atacante Kléber retornou ao time no lugar de Thiago Ribeiro, suspenso, e Wellington Paulista completou o setor ofensivo.

O Atlético-PR foi o primeiro a ter atleta expulso nesta quarta-feira. O zagueiro Bruno Costa recebeu o segundo cartão amarelo aos 17 min. A superioridade numérica durou apenas até os 43 min, quando Bernardo foi advertido pelo segunda vez por Sálvio Spínola.

O Atlético-PR abriu o placar aos 3 min do segundo tempo, com o meia Marcinho. O Cruzeiro ficou com um a menos a partir dos 24 min, após a expulsão de Kléber, também com dois cartões amarelos. O segundo gol saiu aos 42 min, com Gabriel.

O Cruzeiro volta a trabalhar na quinta-feira, já com a cabeça voltada para o jogo de domingo, às 18h 30, contra o Coritiba, às 18h 30, no Couto Pereira.

O jogo

O Cruzeiro demorou a engrenar na partida e o primeiro tempo foi morno no que diz respeito a chances de gol. A equipe celeste tentou o gol oito vezes, mas em apenas uma acertou o gol defendido por Galatto. O Atlético-PR chutou duas vezes, uma delas correta.

Os comandados de Adilson Batista ainda não haviam se acertado em campo quando, aos 17 min, um lance parecia facilitar a tarefa do Cruzeiro. Bruno Costa cometeu falta por trás em Henrique, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.

Depois de ficar com um homem a menos em nove das 15 partidas disputadas no Brasileiro, o Cruzeiro agora tinha superioridade numérica. Adilson agiu rápido e, aos 19 min, o atacante Soares substituiu Elicarlos, que havia torcido o tornozelo direito no início do jogo. O time celeste passou a contar com um trio de ataque e Henrique na lateral direita.

A partir da expulsão, o Cruzeiro começou a ditar o ritmo do jogo e a finalizar com mais constância. Aos 21 min, Wellington Paulista recebeu lançamento pelo lado esquerdo e chutou. A bola desviou na defesa e sobrou fácil para Galatto.

Lutador como sempre, Kléber tentava  de todas as maneiras abrir o placar. Aos 28 min, ele caiu pela esquerda, cortou para o meio e chutou de fora da área, à esquerda do gol. Dez minutos depois, o Gladiador fez boa jogada e rolou para chute ruim de Marquinhos Paraná.

A dois minutos do fim do tempo regulamentar, o Cruzeiro voltou a sofrer com um drama mais que conhecido. Bernardo perdeu uma bola no ataque e cometeu falta dura em Rhodolfo dentro da área do Atlético-PR. O jovem de 19 anos recebeu o segundo cartão amarelo e deixou o time com dez em campo mais uma vez.

O time celeste voltou do intervalo com o lateral-direito Diego Renan no lugar de Athirson. Henrique foi deslocado para a lateral esquerda.

Logo aos 3 min, o Cruzeiro sofreu um duro golpe em jogada de Paulo Baier pela direita, que terminou com finalização de Marcinho na área. Fábio tentou a defesa, mas não conseguiu, e o Atlético-PR fez 1 x 0 no Mineirão.

O time celeste viveu seus melhores momentos depois de sofrer o gol e criou chances reais de marcar. Aos 5 min, Soares cruzou da direita, Wellington Paulista escorou e Kléber não conseguiu fazer o cabeceio. Aos 13 min, foi a vez de Diego Renan chutar com perigo. Aos 9 min, Galatto fez grande defesa em chute forte de Soares de dentro da área.

Adilson Batista fez a última substituição aos 23 min. O atacante Rômulo entrou no lugar de Wellington Paulista para ser a referência do ataque dentro da área. Mas, já no minuto seguinte, o Cruzeiro perdeu aquele que mais lutava. Kléber cometeu falta em Manuel no campo de ataque, recebeu o segundo cartão amarelo e também foi expulso.

O Cruzeiro bem que lutou, mas, com nove em campo, não conseguiu ameaçar a meta de Galatto. O Atlético-PR foi quem mexeu no placar novamente. Aos 42 min, Gabriel recebeu lançamento, fez boa jogada pessoal e bateu na saída de Fábio para fazer 2 x 0.

CRUZEIRO 0 X 2 ATLÉTICO-PR

Motivo: 17ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 05/08/2009
Local: estádio Mineirão, em Belo Horizonte-MG
Árbitro: Sálvio Spínola Fagundes Filho (SP)
Público: 15.485 pagantes
Renda: R$ 286.728,70
Gols: Marcinho, aos 3 min, e Gabriel, aos 42 min do segundo tempo

Cruzeiro
Fábio; Elicarlos (Soares), Gil, Leonardo Silva e Athirson (Diego Renan); Fabrício, Marquinhos Paraná, Henrique e Bernardo; Kléber e Wellington Paulista (Rômulo)
Técnico: Adilson Batista

Atlético-PR
Galatto; Nei, Rhodolfo, Bruno Costa e Márcio Azevedo; Rafael Miranda, Valencia, Marcinho (Gabriel) e Paulo Baier; Wesley (Manoel) e Wallyson (Patrick)
Técnico: Antônio Lopes

Cartões amarelos: Patrick, Valencia e Galatto (Atlético-PR); Gil (Cruzeiro)
Cartões vermelhos: Bruno Costa (Atlético-PR); Bernardo e Kléber (Cruzeiro)

Fonte: Site Oficial

O técnico Adilson Batista relacionou 18 jogadores para a partida desta quarta-feira, contra o Atlético-PR, às 19h30, no Mineirão. O meia Wagner chegou a ser incluído, mas acabou retirado da lista por ainda queixar de dor no pé esquerdo, que o tirou dos últimos cinco jogos. A concentração começa após o treino desta terça-feira.

As novidades da lista são o atacante Kléber, que foi poupado na partida contra o Grêmio para tratar de uma pubalgia, e o lateral Diego Renan, que cumpriu suspensão.

Wagner, que não atua desde a partida contra o Estudiantes, em 15 de julho, seguirá em tratamento no Centro Avançado de Reabilitação Esportiva (CARE).

Confira a relação dos concentrados

Goleiros: Andrey e Fábio
Laterais: Athirson e Diego Renan
Zagueiros: Leonardo Silva, Neguete e Vinícius
Volantes: Elicarlos, Fabinho, Fabrício, Henrique e Marquinhos Paraná
Meias: Bernardo e Gerson Magrão
Atacantes: Kléber, Rômulo, Soares e Wellington Paulista

Fonte: Globoesporte.com

O Cruzeiro terá o reforço do seu principal jogador nesta quarta-feira, às 19h30m, contra o Atlético-PR, no Mineirão. O atacante Kléber foi poupado da partida de domingo contra o Grêmio para tratar de uma pubalgia, no Centro Avançado de Reabilitação Esportiva (CARE), mas vai ser escalado por Adilson Batista na 17ª rodada do Brasileiro. Outro que terá condição de jogo é o lateral Diego Renan. Ele cumpriu suspensão pelo cartão vermelho recebido contra o Sport.

O meia Wagner será reavaliado pelos médicos nesta terça-feira para saber se volta ao time. O atleta ficou fora dos últimos cinco compromissos do Cruzeiro por causa de uma torção no pé direito e está em fase final de recuperação.

O técnico Adilson Batista terá três desfalques. O zagueiro Thiago Heleno recebeu o terceiro cartão amarelo, enquanto o lateral-direito Jonathan e o atacante Thiago Ribeiro foram expulsos no Olímpico. O zagueiro Gil, que ainda será apresentado oficialmente, tem treinado e pode ser relacionado para pegar o Furacão.

A equipe que buscará a reabilitação da derrota para o Grêmio começa a ser armada na tarde desta terça, quando o elenco se reapresenta na toca da Raposa II.

– Vamos pensar em uma equipe forte para vencer o Atlético-PR na quarta-feira – disse Adilson, em entrevista ao site oficial do clube.

Siga-nos no Twitter

  • @Thiagodans Bom dia, o seu pedido confirmou e foi realizada a personalização. Finalizaremos a sua entrega até o dia 25/08.postado 3 days ago
  • @Leonard78748011 bom dia! Não temos como efetuar a troca do produto, pois o produto que enviamos para vc sofreu alteração.postado 3 days ago
  • @Thiagodans Oi, boa tarde! Verei o andamento da sua entrega. Qual é o número do seu pedido?postado 3 days ago
  • @MichaelLucio boa tarde! Estou aguardando a disponibilidade do fornecedor para oferecer mais produtos. Acompanhe o nosso site.postado 3 days ago
  • @Leonard78748011 boa tarde! Nós administramos a loja virtual do ShopCruzeiro. Não temos ligação com as lojas físicas.postado 3 days ago