You are currently browsing the tag archive for the ‘são paulo’ tag.

Fonte: GloboEsporte.com

O Cruzeiro aparece como o sexto melhor time do mundo no ranking divulgado pela IFFHS (Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol), divulgada nesta segunda-feira. A lista reúne mais sete equipes brasileiras entre os 100 melhores do mundo, que se baseia nos resultados dos últimos 12 meses dos clubes em competições nacionais e internacionais. É a melhor posição que o time mineiro já atingiu.

O Barcelona-ESP é o melhor time do mundo, de acordo com a IFFHS, com 322 pontos. O Estudiantes de la Plata-ARG é o melhor da América, e divide a segunda posição com o Werder Bremem-ALE com 284 pontos. Dois ingleses vem na sequência: o Chelsea aparece em quarto (281) e o Manchester United em quinto (274). O Cruzeiro tem 256 pontos, principalmente graças ao vice-campeonato da Taça Libertadores em 2009.

Entre os brasileiros, dois rivais gaúchos vêm depois do Cruzeiro: o Internacional é o 35º (176) e o Grêmio o 43º (171). Dois paulistas dividem a 49ª posição: São Paulo e Palmeiras (167). O Fluminense vem logo a seguir em 52º (166), o Corinthians está em 57º (159), e o Flamengo é o 70º (144).

Para efeito de qualificação, os campeonatos nacionais são classificados em níveis de um a quatro. O Campeonato Brasileiro tem cotação quatro, juntamente com os campeonatos Alemão, Francês, Argentino, Italiano, Espanhol, e Inglês. Cada vitória pela competição vale quatro pontos, empate dois, e derrota zero.

A Taça Libertadores tem o mesmo valor que a Liga dos Campeões. Cada vitória pelo torneio vale 14 pontos; empate sete e derrota zero. Já a Copa Sul-Americana recebe os mesmos valores da Liga Europa. Doze por vitória, seis por empate e zero por derrota.

Fonte: Globoesporte.com

A diretoria do Cruzeiro ameaça romper a parceria firmada com a Traffic para 2010 caso Fernandinho, do Barueri, feche acordo com o São Paulo. Nesta quarta-feira, através de sua assessoria de imprensa, o jogador admitiu que iniciou negociação com o clube paulista. Fernandinho é o primeiro nome da lista que o Cruzeiro pretende ter no ano que vem com dinheiro da Traffic.

A empresa, que atualmente é parceira de Fluminense e Palmeiras, adquiriu este ano a maior parte dos direitos de Fernandinho – o percentual não é revelado oficialmente, mas cogita-se que seja algo em torno de 70%. Em setembro, Zezé Perrella, presidente do Cruzeiro, disse no programa Arena Sportv que a Traffic tinha um compromisso de repassar o atacante ao clube mineiro no ano que vem. Pesa, no entanto, o desejo do jogador de disputar a Libertadores, meta que está mais próxima do São Paulo que do Cruzeiro, apesar da arrancada celeste no segundo turno.

Além de Fernandinho, Rafael Coelho, do Figueirense, era outro nome cotado para defender o Cruzeiro através da Traffic.

Fonte: UOL Esporte

Com a vitória sobre o Internacional, no último domingo, o Cruzeiro passou a deter o posto de time com melhor campanha no returno do Campeonato Brasileiro. A equipe celeste divide essa condição com o São Paulo, ambos com 10 pontos em 15 possíveis, mas o Corinthians, que tem oito, em 12 disputados, pode ultrapassá-los caso vença o Coritiba, nesta quarta-feira, no Couto Pereira, em Curitiba.

Os dois times empatam também no saldo de gols, com três para cada lado nas cinco partidas do segundo turno. Das equipes que atualmente ocupam o G-4, apenas o São Paulo faz campanha de destaque no returno até o momento, obtendo a mesma pontuação que o time celeste.

Os outros times que ocupam o G-4 mostram uma queda de rendimento no segundo turno da competição. O líder Palmeiras conquistou sete pontos, e tem apenas a 12ª melhor campanha levando-se em conta somente o segundo turno.

O Internacional, vice-líder do Brasileiro e que foi derrotado pelo Cruzeiro, domingo passado, conquistou somente seis pontos, que o deixam em 14º lugar apenas no segundo turno, e o rival Atlético-MG, somou oito pontos, ficando em 8º lugar.

O Corinthians, que não atuará no último final de semana, conquistou oito pontos no returno, porém entrou em campo apenas quatro vezes. Com isso, somando mais três pontos, o alvinegro paulista chegaria a 11 pontos, um a mais que Cruzeiro e São Paulo.

O Cruzeiro iniciou bem o returno e obteve duas vitórias, sobre o Flamengo, por 2 a 1, de virada, no Maracanã, e diante do Náutico, por 4 a 2, no Mineirão. Em seguida, empatou por 3 a 3 com o Vitória em Salvador, depois de estar vencendo por 3 a 1. Após esses jogos, a equipe foi derrotada pelo São Paulo, por 2 a 1, no Mineirão, mas voltou a reagir, ao vencer o Internacional, no último domingo, por 3 a 2, de virada em Porto Alegre.

O lateral-esquerdo Gilberto crê que a campanha de três vitórias, um empate e uma derrota no returno comprova que o Cruzeiro tem força para brigar pelas primeiras colocações. “Isso demonstra a força que a gente tem. Sabemos que o campeonato é difícil. Tivemos dois jogos duros e vamos ter mais um agora. Estamos mostrando que temos um grupo forte, não foi à toa que o Cruzeiro chegou à final da Libertadores”, disse Gilberto.

Fonte: Site Ofi cial

Apesar de ter feito outra grande partida, o Cruzeiro acabou sendo surpreendido pelo São Paulo, que venceu o jogo por 2 x 1, no Mineirão, na tarde deste domingo, em partida válida pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Diego Renan marcou o gol da Raposa e Marlos e Borges decretaram a vitória do time paulista, quebrando uma invencibilidade de seis jogos da equipe celeste.  Na próxima rodada, domingo que vem, o Cruzeiro volta a campo contra o Internacional, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

O torcedor celeste, que compareceu em grande número no Mineirão para acompanhar um dos maiores clássicos do futebol brasileiro, teve a oportunidade de assistir a um grande espetáculo.

As duas equipes fizeram uma ótima partida, altamente disputada e sempre com ações ofensivas, com os rivais buscando o ataque desde o apito inicial do árbitro fluminense Luís Antonio Silva dos Santos.

Logo aos 3 minutos de jogo, o São Paulo chegou com muito perigo próximo ao gol de Fábio, após cruzamento de Dagoberto. O goleiro celeste saiu muito bem do gol e segurou firme.  O Cruzeiro respondeu logo depois, em uma cobrança de falta de Gilberto, da intermediária.  A bola só não entrou por causa de uma excelente defesa de Rogério Ceni.

O lance animou o Cruzeiro, que passou a pressionar o adversário, mas continuou esbarrando em importantes defesas do arqueiro do time paulista, como em um chute de Johathan.

Aos 16 minutos, o atacante Wellington Paulista sentiu uma fisgada na coxa direita e teve que ser substituído pelo amazonense Soares.  Pouco tempo depois, Fabrício acertou um potente chute de fora da área. A bola tinha endereço certo, mas resvalou em André Dias e saiu para a linha de fundo.

O São Paulo, que atacava em velocidade, criou outra situação para marcar, novamente em cruzamento de Dagoberto, que Washington chegou um pouco atrasado no lance.

Apesar das ações ofensivas dos dois times, o primeiro tempo parecia que terminaria com o placar em branco, mas o garoto estrelado Diego Renan recebeu belo passe de Gilberto e chutou na saída de Rogério Ceni. Cruzeiro 1 x 0.

As duas equipes voltaram para o segundo tempo com as mesmas formações e o Cruzeiro foi logo buscando o segundo gol, que só não aconteceu por causa de uma má finalização de Soares, aos 2 minutos.

O atacante aproveitou rebote do goleiro Rogério Ceni, que não conseguiu segurar um chute forte de Diego Renan, mas chutou para fora. O jovem lateral celeste fez uma grande atuação e, pouco tempo depois, protagonizou mais uma importante jogada, que poderia ter dado o segundo gol à Raposa, não fosse intervenção do zagueiro André Dias, que conseguiu tirar a bola para escanteio.

Aos 18 minutos, Adilson Batista fez a segunda mexida no time, com a entrada de Guerrón em substituição a Soares. Mas, um minuto depois, o São Paulo conseguiu o gol de empate, em jogada individual de Marlos, que chutou da entrada da área, sem chance alguma para Fábio.

O Cruzeiro se refez do susto e, em duas situações seguidas, poderia ter voltado a comandar o marcador. Ma primeira delas, Gilberto recebeu passe de Guerrón e chutou colocado, mas a bola saiu acima do gol do adversário.  Na outra, Guerrón passou por Renato Silva e chutou para o gol, mas Rogério Ceni defendeu mais uma vez e evitou o segundo gol estrelado.

O técnico Adilson Batista mexeu pela última vez na equipe aos 33 minutos, promovendo a entrada de Bernardo no lugar de Gilberto. Mas o castigo veio dois minutos depois, com o segundo gol do São Paulo, marcado por Borges, após cruzamento na medida de Dagoberto.

Atrás no marcador, o Cruzeiro se mandou todo para a frente, pressionou bastante o adversário, mas não conseguiu evitar a derrota, que interrompeu uma sequência de seis jogos de invencibilidade da Raposa.

Fonte: UOL Esporte

O volante Henrique guarda boas lembranças de confrontos contra o São Paulo, adversário do Cruzeiro neste domingo, às 16h, no Mineirão. Herói da classificação do time mineiro à semifinal da Copa Libertadores, eliminando o tricolor paulista, ele disse que o gol marcado no Morumbi foi o mais importante da carreira. “Pela beleza do gol, pela importância do gol, para mim, foi o melhor”, afirmou.

Com um chute de fora da área, que acertou o ângulo direito do goleiro Denis, Henrique marcou o primeiro gol do Cruzeiro na vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, no segundo jogo das quartas-de-final da Copa Libertadores, na capital paulista. Na primeira partida, em Belo Horizonte, a equipe celeste havia vencido por 2 a 1.

Em 80 jogos disputados pelo Cruzeiro, Henrique marcou cinco gols. Na decisão da Copa Libertadores, ele fez o primeiro gol da partida diante do Estudiantes, no Mineirão. Entretanto, a equipe argentina conseguiu a virada e venceu por 2 a 1.

No domingo, Cruzeiro e São Paulo se enfrentarão pela quarta vez na temporada e Henrique quer repetir as boas atuações diante do tricolor pela Libertadores. “Foram bons jogos que o Cruzeiro fez contra o São Paulo. Esperamos repetir o mesmo feito, jogando da mesma forma que jogamos, e que, no domingo, a equipe do Cruzeiro esteja num bom dia e possa vencer a equipe do São Paulo”, comentou.

O volante cruzeirense acredita que os jogadores são-paulinos queiram “dar o troco” da eliminação na Libertadores. “Não posso responder por eles, mas é claro que fica um gostinho de revanche da parte deles. Eles virão querendo vencer, temos de ir focados da mesma forma que enfrentamos todos”, salientou.

Para superar o São Paulo, o Cruzeiro tentará lidar com a força do meio-campo tricolor. Nesse setor, Henrique aguarda por grandes disputas. “Nosso meio-campo tem jogadores de qualidade, que exercem a função de marcação e saem para o ataque. A equipe do São Paulo também. Vai ser uma briga boa, sadia, esperamos que nosso lado vença”, observou.

Fonte: Site Oficial

O Cruzeiro encara o jogo deste domingo contra o São Paulo como fundamental para a pretensão de atingir a zona de classificação para a Copa Santander Libertadores. O jogo será entre equipes que se candidatam a ocupar o G-4 e o técnico Adilson Batista aponta a china azul como fator de desequilíbrio a favor do time celeste no Mineirão.

O São Paulo vem de uma arrancada no Brasileirão e ocupa a quarta colocação, com 37 pontos ganhos. Já o Cruzeiro está invicto há seis partidas e é o 13º, com 29. Uma vitória celeste fará a distância para o adversário cair de oito para cinco pontos.

“Eles vêm pensando em não deixar o Cruzeiro encostar. O raciocínio é simples. Tentar manter a diferença ou ampliar. Nós temos que diminuir e termos 90 minutos para isso. E preciso da ajuda do torcedor. Esse vai ser o diferencial. Peço a compreensão, o apoio, o incentivo. É um jogo difícil, para incentivar os atletas. Nós teremos dificuldades. Eles (os torcedores) é que vão fazer a diferença”, comentou o treinador.

O comandante celeste prevê que o jogo entre duas equipes que estão entre as melhores do País terá clima de decisão. E será o primeiro de uma série, já que nas rodadas seguintes o Cruzeiro enfrentará o Internacional, no Beira-Rio, e o Palmeiras em casa.

“É um jogo que o torcedor gosta, nós gostamos, os jogadores gostam. São jogos desse tipo que a gente sempre gostou, difíceis, truncados, de muita concentração, de poucas oportunidades, de respeito mútuo, mas de entrega. Ainda bem que tivemos a semana cheia para trabalhar, recuperar, mostrar, conversar e ter os devidos cuidados com o jogo. Por etapas, vamos tentar diminuir a diferença para o São Paulo”, disse.

Fonte: UOL Esporte

Diante do São Paulo, às 16h de domingo, o volante Fabinho pode ser improvisado pela quarta vez como zagueiro no Cruzeiro. O jogador disse que não se incomoda em atuar em outra posição. Pelo contrario, tenta usar o lado polivalente como um trunfo para ganhar espaço com o técnico Adilson Batista.

“Ajuda estar sempre solicitado. Graças a Deus, estou sempre correspondendo à altura. Eu gosto de fazer esses papel, estar sempre me colocando à disposição do treinador e estamos aí mais uma vez. Se ele precisar, estamos trabalhando bastante para corresponder à altura”, afirmou Fabinho.

As improvisações não são novidades para Fabinho. No Corinthians, seu clube anterior, Fabinho foi escalado pelo técnico Mano Menezes como lateral-direito.

O volante prefere atuar em sua posição de origem, mas gosta de ser sempre útil aos treinadores para desempenhar outras funções. “É uma posição que conheço bem, minha posição de origem. É bom você atuar na posição que conhece bem, mas não descarto a possibilidade de atuar em outras posições como fiz ao longo da carreira. É bom que você ajuda sempre que solicitado, está sempre jogando, isso é importante”, salientou.

No domingo, contra o São Paulo, Fabinho pode jogar como zagueiro, devido às suspensões de dois dos três zagueiros que o técnico Adilson Batista tem à disposição. Thiago Heleno foi expulso no empate em 3 a 3 com o Vitória, enquanto o capitão Leonardo Silva recebeu o terceiro cartão amarelo.

Recém-contratados, Caçapa e Luizão treinaram nesta quinta-feira, mas segundo Adilson Batista, dificilmente serão relacionados para a partida de domingo. Caso seja escolhido pelo técnico Adilson Batista, Fabinho atuará ao lado de Gil.

Fabinho atuou na zaga cruzeirense pela primeira vez na derrota para o Corinthians, por 2 a 1, no Mineirão, após Leonardo Silva ser expulso. Ele voltou a exercer essa função na vitória por 2 a 0 sobre o Santo André, desde o início da partida ao lado do volante Henrique, também improvisado como zagueiro. O terceiro jogo como zagueiro foi a vitória por 1 a 0 contra o Sport, no Mineirão, quando também foi titular.

Fonte: Globoesporte.com

O Cruzeiro não poderá contar com o lateral-direito Jancarlos por aproximadamente 30 dias. Um exame de ressonância magnética realizado nesta quarta-feira diagnosticou um estiramento muscular de grau dois na coxa direita do jogador.

– O Jancarlos saiu do jogo contra o Vitória com um incômodo, mas nada que preocupasse a gente. Na terça-feira ele se apresentou com uma dor forte na coxa. Fizemos um exame de ressonância magnética na manhã desta quarta-feira, que confirmou a lesão. Ele precisará de 30 dias para retornar às atividades – explicou o médico Sérgio Freire Júnior, ao site oficial do clube.

A notícia ruim sobre Jancarlos foi amenizada pelo retorno do lateral titular Jonathan, que se recuperou de uma lesão na coxa esquerda e tem chances de enfrentar o São Paulo no domingo. Recém-contratado, Patric ainda não tem condições físicas de atuar pela Raposa.

Fonte: UOL Esporte

Recuperado do estiramento muscular na coxa esquerda, o lateral-direito Jonathan espera, agora, reunir condição física para reforçar o Cruzeiro diante do São Paulo, domingo, às 16h (horário de Brasília) no Mineirão, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“O Jonathan está clinicamente bem e o exame de imagem que foi feito também mostra bom resultado. Ou seja, já está liberado para as atividades normais com os demais atletas”, informou o médico Octacílio da Matta em entrevista ao site oficial do Cruzeiro.

Jonathan machucou-se em 16 de agosto, no empate sem gols com o Santos no Mineirão. De lá para cá, o lateral desfalcou o Cruzeiro em quatro jogos: nas vitórias sobre o Flamengo (2 a 1) no Maracanã e diante do Náutico (4 a 2) no Mineirão e nos empates com Botafogo (1 a 1) no Rio de Janeiro e Vitória (3 a 3) em Salvador.

Nesta quarta-feira, Jonathan fez corrida em volta do campo. Somente no final da atividade física, o lateral juntou-se aos companheiros e participou dos exercícios de arrancada. O retorno deixou o jogador otimista, mas ciente de que depende da recuperação física.

“Estou liberado para treinar e me senti bem, sem dor nenhuma. Vamos ver o que os médicos dirão. Acho que dá para jogar. Fisicamente ainda não dá para avaliar, mas vou ter tempo para recuperar a forma, até porque fiquei parado pouco tempo. Trabalhando com o maior empenho possível, como sempre fiz, vai dar para ajudar o Cruzeiro”, afirmou Jonathan ao site do Cruzeiro.

Na ausência de Jonathan, o técnico Adilson Batista utilizou Jancarlos, que retornou aos poucos por ainda não estar bem fisicamente. Na segunda-feira 31, a diretoria anunciou a contratação do lateral-direito Patric, de 20 anos, emprestado gratuitamente pelo Benfica, de Portugal.

Fonte: Globoesporte.com

O Cruzeiro ganhou um reforço para o jogo contra o São Paulo, no próximo domingo. O goleiro Fábio já não sente mais dores abdominais e está liberado para o duelo. Jonathan e Wellington Paulista ainda são dúvida.

A equipe celeste fez apenas um trabalho físico nesta terça-feira. Os titulares fizeram um treinamento funcional no Centro Avançado de Reabilitação Esportiva e depois foram a campo. Fábio, Jonathan e Wellington Paulista estiveram entre eles. O goleiro foi liberado para jogar depois que os exames mostraram que ele teve uma crise apendicular, que não evoluiu para apendicite, e não precisará ser operado.

Jonathan e Wellington Paulista ainda se recuperam de lesões e serão avaliados pelo departamento médico no decorrer da semana para saber se poderão enfrentar o São Paulo.

Os três reforços que foram apresentados nesta terça-feira – Cláudio Caçapa, Luizão e Patric – foram para o campo e fizeram uma atividade física forte de, aproximadamente 30 minutos com o preparador físico José Mário Campeiz.

– O Caçapa, o Luizão e o Patric estão em um nível de preparação física bem abaixo dos demais jogadores. Ainda é cedo para fazer uma previsão, mas esperamos que eles estejam em breve à disposição do Adilson – avaliou, em entrevista ao site oficial do clube.

Siga-nos no Twitter

  • @Thiagodans Bom dia, o seu pedido confirmou e foi realizada a personalização. Finalizaremos a sua entrega até o dia 25/08.postado 3 days ago
  • @Leonard78748011 bom dia! Não temos como efetuar a troca do produto, pois o produto que enviamos para vc sofreu alteração.postado 3 days ago
  • @Thiagodans Oi, boa tarde! Verei o andamento da sua entrega. Qual é o número do seu pedido?postado 3 days ago
  • @MichaelLucio boa tarde! Estou aguardando a disponibilidade do fornecedor para oferecer mais produtos. Acompanhe o nosso site.postado 3 days ago
  • @Leonard78748011 boa tarde! Nós administramos a loja virtual do ShopCruzeiro. Não temos ligação com as lojas físicas.postado 3 days ago